"1972 ANNI MIRABILES MUCICAL BOX"

LIVRO 1972-ANNI MIRABILES-MUSICAL BOX

O lançamento do livro digital “1972-ANNI MIRABILES-MUSICAL BOX”, que acaba de sair também com uma versão em inglês para o mercado internacional, vem celebrar os 50 anos de um ano miraculoso que marcou a cultura mundial: 1972! O escritor brasileiro Otávio Paiva registrou por volta de mil e duzentos álbuns que foram lançados durante o período, não apenas no Brasil mas em diversas partes do mundo, e cada disco mereceu uma resenha, uma nota com alguma observação e o link para chegar à música que foi destacada como mais significativa. Uma viagem completa pelo ano de 1972 de quase tudo que foi tocado e ouvido pelas rádios, televisões e vitrolas, de A à Z, onde todos os ritmos se cruzaram, sem grandes juízos de valor, mas pela qualidade de terem sido produzidos no ano, alguns com grande sucesso e outros passando despercebidos, todos contemplados por igual. Uma boa viagem ao ano miraculoso por essa caixa musical e que seja feliz por mais esse bis!

Aquisição do livro digital: pelos sites do Google e da Amazon ( você pode ler pelo computador, celular ou pelo Kindle, e pode acessar os links das músicas pelo computador e celular). Preço: R$ 19,90.

Sites:

www.amazon.com.br

 

https://play.google.com/store/books/details?id=s3ZVEAAAQBAJ

 

 

 

1972-FELIZ POR UM BIS

 

RESENHA DO LIVRO 1972-FELIZ POR UM BIS!

O livro 1972-FELIZ POR UM BIS! é um romance autobiográfico escrito para contar uma história ocorrida durante o ano de 1972, com personagens verdadeiros, com fatos verdadeiros, onde apenas o autor e alguns poucos acompanhantes são personagens inventados. É um romance de formação onde é exposto o processo de desenvolvimento físico, intelectual e cultural do protagonista e sua passagem abrupta para a adolescência em pleno regime de exceção no país, com a ditadura militar no poder.

Expõe de maneira franca todas as dificuldades, contradições e preconceitos por que passa nosso personagem, que vem a ser o autor, e como se deu esse rito de passagem, enquanto são relatados todos os grandes acontecimentos que ocorreram a nível municipal, estadual e federal no ano citado.

Ao final do livro o autor apresenta ao leitor um inventário com os principais recortes dos lançamentos musicais, cinematográficos e bibliográficos nacionais e internacionais de 1972, para ilustrar a importância desse ano memorável. Esse adendo é um brinde aos leitores que podem identificar nas citações os fatos marcantes de suas vidas.

Fechando a resenha ficam as palavras do autor e o seu grande desejo: “Espero que essa história sirva para as novas gerações aprenderem com os nossos milionários erros e a velha geração se reflita e tire algum ouro desse garimpo onde me embrenhei. Evoé 1972!”


 

The first edition of the book “1972-ANNI MIRABILES-MUSICAL BOX came out on November, 12thand soon will also come out with an English version for the international market. It celebrates 50 years of a miraculous year that marked world culture: 1972 ! Brazilian writer Otávio Paiva registered around twelve hundred albums that were released during the period, not only in Brazil but in different parts of the world, and each album deserved a review, a note with some observation and the link to get to the music which was highlighted as the most significant. A complete journey through 1972 of almost everything that was played and heard by radios, televisions and phonographs, from A to Z, where all the rhythms intersected, without great value judgments, but for the quality of having been produced in the year, some with great success and others going unnoticed, all contemplated equally. Have a good trip to the miraculous year for this musical box and may you be happy for this encore!

P.S.: This wonderful cover comes from a painting by artist Heraldo Alvim of the writer and his brother João Ran 
 
Livro Aline Morena by Hermeto Pascoal

Aline Morena por Hermeto Pascoal pela Laranja Original

 Aline Morena por Hermeto Pascoal: 200 composições de Hermeto Pascoal dedicadas a Aline Morena reúne 200 partituras manuscritas de canções do Bruxo dos Sons dedicadas à multi-instrumentista gaúcha, cantora e arranjadora Aline Morena. Com comentário de Itiberê Zwarg, o livro é um registro musical e histórico de parte da vastíssima obra do compositor alagoano. Um deleite para a alma e os sentidos.

 

Dados técnicos:

Páginas: 256

Miolo: PB

Formato: 22,80 x 30,50 cm

Encadernação: brochurane Morena diz:

Durante os 12 anos que vivi com o Hermeto, presenciei ele compondo todos os dias, mas nem em sonho imaginaria que em 2015, quando nos separamos como casal, ele chegaria com um presente tão especial! O Hermeto me entregou um livro manuscrito com 200 composições inéditas e disse: "Isto tudo aqui é você!" De "Aline Morena 1" a "Aline Morena 200". Com certeza, o presente mais incrível e honroso de toda a minha vida!

 https://www.laranjaoriginal.com.br/product-page/aline-morena-por-hermeto-pascoal

 

Livro da Andrea Ernest Dias sobre o maestro!! Que beleza E viva Moacir Santos !!

 

"As Irmãs Discódia" - Marilia Ceci Cubero

Dia 20 de julho/2016 a Rádio Edison esteve presente na festa de lançamento do livro " As irmãs Discórdia" em uma deliciosa tarde de autografo com a autora Marilia Ceci Cubero. Desejamos felicidades e sucesso, que o sonho do primeiro livro seja realmente a realização de muitos outros que virão. Parabéns!

 

 Love Supreme": 50 anos

 "Love Supreme": 50 anos !!! Celebrando no San Francisco Jazz Center !!!

Em 9/12/1964, John Coltrane gravava o álbum "A love supreme" (Impulse!)- no estúdio de Rudy Van Gelder, em Nova Jersey, à frente do seu então revolucionário quarteto com McCoy Tyner, piano; Elvin Jones, bateria; Jimmy Garrison, baixo. Em 1970, a magnífica “oferenda musical” já tinha vendido mais de 500 mil cópias – número muito significativo para uma peça jazzística nada comercial, dividida em quatro partes, com mais de 32 minutos de duração.
Para celebrar o 50º aniversário da gravação do álbum, o San Francisco Jazz Center programou, para os próximos dias 11, 12 e 13, três concertos muito especiais, nos quais serão recriados o todo ou partes da suíte, sob a direção do próprio filho de John Coltrane, o também saxofonista tenor Ravi, que não tinha ainda dois anos quando o seu famoso pai morreu.

No auditório do SF Jazz, Ravi Coltrane vai liderar um quinteto com Joe Lovano (saxes), Geri Allen (piano), Drew Gress (baixo) e Ralph Peterson (bateria), na primeira noite do “culto”; no dia seguinte, apresenta-se com o aclamado quarteto de cordas Turtle Island que, em 2007, ganhou o Grammy com o CD A love supreme: The legacy of John Coltrane (Telarc); na terceira noite, Ravi Coltrane toca com os seguintes convidados: Nicholas Payton (trompete), Adam Rogers (guitarra), Matt Garrison (baixo elétrico) e Marcus Gilmore (bateria).

Evoé, Trane !!!!!!

 

 

Uma viagem na pauta do tempo - Vitório Calzavara

"Uma viagem na pauta do tempo", que conta a história do conjunto Blue Boys, de Bragança Paulista,

pode adquirir diretamente na Casa de Cultura.

 

 

IMPROVISAR É MUITO FÁCIL! JAZZ DE UMA MANEIRA DESCOMPRICADA

SAMUEL QUINTO